Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


ver além...

Domingo, 10.05.20

tocar o céu.png

mundo de incertezas...

são tantos os caminhos pela frente,
trilhos perdidos,
encruzilhadas,
setas apontadas
para lugar nenhum.

meu sexto sentido
aponta o horizonte,
escalar, saltar o monte,
tocar no céu, aí, talvez fique rendido
ao mundo novo que há-de vir...


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 18:38

horribilis...

Domingo, 10.05.20

morte.png

quão tristes as noticias
da morte, que mãos de sangue
perpetraram, a coberto da noite,
num ser frágil, sem lar que a acoite...

e assim, o ser hediondo rouba o destino,
a vida, a quem é tão pequenino...

Não lhe perdoais Senhor,
porque ele sabe o que fez....





 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 13:58

um pouco de loucura...

Sábado, 09.05.20

na chuva.png

apetece-me sair, correr,
abraçar a chuva,
dançar na chuva,
no seu leito adormecer...

chamem-me louco,
convidem-me ao degredo,
eu guardarei segredo
pela pena a pagar ser tão pouco...

quem ousa avançar,
saltar para a rua,
num grito, a liberdade minha e tua,
e soltar os medos...apenas soltar?

talvez não sejamos assim tantos
e a cobardia é nosso manto,
de que vale o pranto
se nos escondemos pelos cantos?

a voz, a nossa voz, um rugir
a correr nas veias,
uma lança em todas as teias
que nos amarram, e donde um dia vamos fugir...











 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 21:57

silêncio é preciso...

Sábado, 09.05.20

ruído.png

este é o tempo do ruído,
inferno que arrasa
o confinamento em casa,
e fugir, desertar, é preciso...

tivesse eu asas de gaivota,
GPS no pensamento,
a brisa suave do vento,
e um porto seguro que me abra a porta.

sonhar, sonhar o silêncio,
a quietude das coisas, tudo no seu lugar,
como o sorriso, um beijo em teu olhar
onde queiras estar, um lugar no teu silêncio...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 16:13

tardes de sol...

Quinta-feira, 07.05.20

tarde de sol.jpg

oh tardes de sol, de vida,
oh encantos de terra prometida,
oh brisa que afagas o rosto
e trazes novas de quem eu gosto...

são estas tardes de Maio a Setembro
que me acolhem, e onde me lembro
dos amores de ontem e de sempre.

tardes de sol, rumores de primavera,
ilusão no olhar, na alma, a quimera
de um novo amanhã... um amanhã diferente...




 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 19:48

dentro de teu olhar...

Quinta-feira, 07.05.20

 

olhares.png

o que vêm meus olhos?
da introspecção de meu olhar,
no encanto do teu olhar,
a fusão, tal como a terra e o mar
numa longínqua linha do horizonte...

dessa fusão, nascem rios,
quedas de água, jardins de mil cores,
palcos celestiais para juras de amores,
gemidos, grunhidos, toques sem dores
onde o êxtase é só um pormenor...










 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 18:27

ainda o confinamento...

Terça-feira, 28.04.20

passos no vazio.png

por mais que meus passos
se confinem no vazio,
amanhã virá a hora,
a hora onde os segundos, longos,
de tão longa a demora,
de um charco, nascerá um rio...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 19:36

tanto mar...

Segunda-feira, 20.04.20

mar e areia.jpg

o mar, sempre o mar,
o ruído que espanta,
que tanto encanta,
que nos faz pensar...

perdido na imensidão da água,
onda após onda, ruído que embala,
que nos adormece, nos cala,
que sossega a dor, a mágoa,

perco-me onde me encontro,
neste mar, neste imenso areal,
lençol de ideias, de emoções (quantas sem sal),
vale de lágrimas precoces do desencontro...

se não existisses mar, como seguir viagem
no pensamento, perdido entre o ruído e o querer,
o desejo, um rosto de mulher,
sem barco de salvação para a outra margem...





 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 21:47

para além do silêncio...

Segunda-feira, 20.04.20

silêncio.jpg

para além de mim, para além de tudo,
existe o silêncio, apenas o silêncio...
shiu... ouves o silêncio?
vês o silêncio, a cor do silêncio?
e no entanto ele existe, toca,
mexe contigo, comigo,
num jogo de medo?, de incerteza?
talvez queira te levar aos limites,
ao confim dos limites.

num acto de desespero (de loucura?),
espremo o pensamento
(será possível espremer o que não se vê?),
a matéria inaudível, talvez disforme,
com o muito, muito querer,
sendo as paredes do quarto meu refúgio,
minha planície, minha montanha a escalar,
onde as marcas de sangue são prova de lucidez...





 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 11:22

LUZ, raio de LUZ...

Domingo, 19.04.20

estrela.png

acordo pela manhã (tão cedo),
ainda os raios de sol por chegar,
e no peito, este aperto, esta vontade
de erguer as mãos, orar
a quem não vejo, mas que me guiará na cidade.

no escuro de quatro paredes,
na Luz que me invade e me ilumina,
a paz, o sossego da alma,
este querer mais que querer que me anima
e me faz correr, fluxo de Vida que me acalma...

medo de morrer? como, se vivo para além de viver,
para além da morte que um dia virá,
mas até esse dia (talvez numa noite fria)
admiro o céu, a estrela que um dia me guiará
até o paraíso, planalto de vida e magia, de alegria...



 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 17:24