Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Encontros...

Domingo, 04.10.09

 

(ficção)

 

Bate o sol em meu rosto

e fica leve meu acordar...

Mas tu já não estás a meu lado,

não adianta te chamar,

o nosso encontro já é passado.

 

Foram momentos de paixão,

de encontros de ocasião,

sem promessas,

sem compromissos,

amor sem pressas.

 

E eu  fico sozinho

com teu cheiro, teu perfume,

com breve recordação

de momentos de paixão

que voltarão um dia...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 14:34


6 comentários

De Breizh da Viken a 04.10.2009 às 21:37

ai...

Tanta paixão Alex... que dão nestes lindos poemas que ando por aqui a ler... parabéns


beijos

De Alexandrino Sousa a 04.10.2009 às 21:57


Olá AMiga,

É apenas ficção....sonhando com realidade. Ah, obrigada pelo carinho

Beijinhos
Alex

De Nela a 04.10.2009 às 23:08

Alex Meu Amigo,

Á pouco não vi este é LINDO!!!
O que escreves, além da qualidade, é intenso, é autêntico!
Obrigada por partilhares aqui , com todos nós!!!! De coração, meu AMIGO!!!!
Beijo

De Alexandrino Sousa a 05.10.2009 às 16:47


Olá Nela,

Obrigada por tanto carinho (não sei se mereço)

Beijinhos
Alex

De Nela a 05.10.2009 às 18:10

Oi Alex!!!!

Claro que mereces!!!
És um doce ... de Amigo e de Poeta!!!

Fica bem
Beijinhos

De Simbologia do aMoR a 05.10.2009 às 01:58

Olá

Quando vi ao lado este poema na tua lista de poemas, resolvi ler. Interessante também escrevi um poema, só que no singular "Encontro". Rsrsrsrs.

Abraço.

Comentar post