Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



BRINCAR COM PALAVRAS...........

Quinta-feira, 03.01.08

Quería ter o dom dos POETAS,

quería em meia dúzia de palavras, escrever que por vezes não conseguimos dizer, quería poder tocar, abraçar, sendo que as letras, uma a uma, colocadas no sítio certo, com a rima que lhe queremos dar, o faríam por mim...

 

Mas não tenho esse dom, e brincando com as palavras, escrevo o que sinto, ainda que possa ser acusado de tonto........

 

 

CONFIDÊNCIAS

   

Sento-me ao piano

(piano de fantasia)

e componho a “música”

que te dedicaria...

 

Tecla a tecla, sem engano,

Com docura  ou energia,

Sai letra a letra,

Componho uma canção,

Faço de Ti a “melodia”

 

Tu és canção de Amor,

Tu és um Hino, fervor,

Tu és loucura, quantas vezes ...Dor...

 

Tecla a tecla sem engano,

Continuo soltando

As letras que vou cantando,

Continuo procurando

Tocar,

O que nunca te consegui falar...

 

Tecla a tecla sem engano,

(teclas de imaginação),

te escrevo,

queria te contar,

precisava te falar,

abrir meu coração....

 

FLÔR

 

 

 

No meu “jardim”,

Esse canto só meu

E onde ninguém entra,

Nasceu uma “Flôr”.

Flôr linda, ainda em botão,

Que eu cuido com carinho, com Amor.

 

Dia a dia te admiro,

Dia a dia te vejo crescer.

 

“vento”, que corres frio, agreste,

não lhe toques...deixa-a viver.

 

“Sol”, que tens o dom da vida, da esperança,

ternamente a beija,

dá-lhe côr, pujança.

 

Flôr do meu jardim,

Flôr que não plantei,

Pétalas que nunca arrancarei

E tão pouco cortarei.

 

Flôr que és Vida

E cresceste no meu jardim,

Tu me pertences...

Já fazes parte de mim!

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 21:14


1 comentário

De andreia sousa a 07.01.2008 às 11:19

Gostaria de saber qual é a sua musa inspiradora? Será que mo diz?
Acho que não...

Comentar post