Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Horas Mortas

Quarta-feira, 30.12.09

 

 

http://indoleromantica.blogs.sapo.pt/arquivo/Apaixonado.jpg

 

Horas mortas no entardecer,

o pensamento vagueando solto,

como solto viaja meu coração...

Pega, é teu, dá-lhe a mão,

dá-lhe abrigo, fá-lo crescer

dentro de ti, faz-me renascer...

 

Horas mortas no entardecer,

saudades de quem se ama,

incendeia-se o amor, a  chama,

alegra-se o coração por te querer,

e cada dia tem mais encanto,

eu sinto-o... por te amar tanto...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 19:30


2 comentários

De Filipa. a 30.12.2009 às 20:27

Horas mortas para amar...
Horas mortas para viver...
Horas mortas para ser feliz...
Horas mortas para a festejar...
Horas mortas para consolar...
Horas mortas para agradecer...

a vida n tem de ser um ciclo vicioso de horas mortas...
as horas só sao mortas se nós qizermos ...$$:
Beijo e boas entradas (:
Filipa.

De Alexandrino Sousa a 30.12.2009 às 21:03


Que bonito Filipa.
Mas se reparares, é nas horas mortas que vamos buscar muito de quem amamos...lembranças, momentos vividos, tanta coisa...Mas não são mortas as horas que vivemos ou amamos...

Beijinhos e Bom Ano
Alex

Comentar post