Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O Silêncio

Sexta-feira, 05.02.10

 

http://helenarego.files.wordpress.com/2009/06/floresta.jpg

 

És  meu companheiro

amigo e confidente

És porventura o amor ausente

és o meu travesseiro

és o silêncio amigo

és também o meu castigo

Do nada são nossas conversas

e no vazio nos entendemos

penso até que nos merecemos

Ah se as mentes fossem perversas...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 11:59


2 comentários

De mafalda-momentos a 05.02.2010 às 18:41

É verdade Alex que o silêncio pode ser isso tudo e às vezes é ele que com a sua serenidade nos ajuda a ver melhor, até a encontrar caminhos ou refúgio, mas é preciso avaliá-lo bem, porque o silêncio tem o seu peso.

Alex desculpa intrometer-me, mas achei, tal como tu, graça aí ao comentário do Anónimo e à tua resposta...
É que o silêncio é de ouro... acho que foi o que ele quis dizer... assim e no caso da graça que ele contou, às vezes mais vale estar calado... ahahahah
Mafalda

De Alexandrino Sousa a 05.02.2010 às 19:24


Amiga Mafalda,

Tens razão. Temos de avaliar o silêncio porque ele tem seu peso. Mas por vezes sabe bem e saber "escutá-lo" acho que é um dom.

Fizeste-me rir com o tal "anónimo"...e deves ter razão...ás vezes é bem melhor estar calado.

Beijinhos Amiga
Alex

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.