Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Desassossego...

Segunda-feira, 31.05.10

 

http://www.filocitario.com.br/.jpg

 

 

Rimam minhas palavras nas tuas,

qual verso de amor ausente,

e é um todo descontente,

de imagens virtuais, nuas,

mas que te fazem presente...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 21:44


2 comentários

De sonhardenovo a 01.06.2010 às 23:17

Olá Amigo!

As recordações são boas, apesar de muitas vezes nos deixarem nostálgicos... gostei do malmequer... quando era pequena adorava desfolhar estas plantas... Também gostava de joaninhas... Não sei o que isto tem a ver, mas por momentos fizeste-me recordar a minha infãncia,,,,

Beijinhos Alexandrino!!!

;)

De Alexandrino Sousa a 03.06.2010 às 21:28

Sandrinha,

Sem quereres (ou por querer), provocaste em mim um sorriso de menino ao ver ali meu nome "Alexandrino". Acredita que foi nome próprio que nunca gostei muito, talvez por ser demasiado longo, talvez porque a maioria das pessoas o encurtava ao chamarem-me. Mas agora, anos mais tarde, não desgosto de o ouvir. Bem, mas isto não tem nada a ver com o assunto.

Todos retemos na memória recordações, boas e más, mas que nos fazem lembrar de alguém, de algo... Sabes, eu também gostava muito de malmequeres. Então na fase mais adolescente e mais romantica, a dúvida sem pre persistia "bem me quer, mal me quer...).... As joaninhas..."voa, voa, que teu pai foi para Lisboa"...não sei se era bem assim, mas sempre que as apanháva-mos, principalmente no cultivo da batata, era assim que fazíamos...
Obrigada por também me deixares partilhar um pouco de mim...
Beijinhos Princesa e é sempre um prazer te ver por aqui
Alex (andrino)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.