Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Amar Assim...

Domingo, 13.06.10

 

 

 

http://tempo.blogs.sapo.pt/arquivo/sonhos.jpg

 

 

Deixa-me adormecer em teus braços,

embala-me,

leva-me ao tempo de criança,

em teus seios saciar

mil desejos,

em teus seios

me perder com mil beijos...

E se em sonhos te chamar,

faz de conta...

não vá eu acordar

de um sonho lindo que vivia...

Deixa-me adormecer em teus braços,

braços que me acariciam,

que me protegem,

braços que me guiam,

como se o amor fosse eterno...

E se nosso amor for eterno,

viva eu para sempre,

para te amar no presente,

no amanhã e depois...

Qual deus omnipresente,

com asas de condor,

um eterno sonhador,

E este meu jeito de ser...carente....

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 10:29


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.