Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mulher Estátua

Segunda-feira, 23.08.10

 

 

Suavemente chega e nada diz.

Calmamente monta seu palanque,

se veste de rainha,

se maquilha...

Suave é sua face de branco mármore...

 

Na mão, uma sombrinha,

no cabelo, um chapéu de menina,

fitas de cetim sobre os ombros...

Seu vestido branco a faz gigante,

e suave é sua face de branco mármore

 

Sobe o palanque.

Seu vestido o cobre e nos ludibria...

À sua frente, um cestinho coberto a cetim,

e suavemente, calmamente espera,

aguarda, a moeda do povo, o flash que vai registar...

 

Estátua é o seu nome.

Estátua que se inclina, agradece

cada tlim-tlim no seu cesto.

E eu a admiro, me perco,

porque suave é sua face de branco mármore...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 22:00


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.