Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Outono...(cair da folha)

Quinta-feira, 14.10.10

 

https://1.bp.blogspot.com/outono+folhas++no+ch%C3%A3o,+ca%C3%ADdas.jpg

 

 

Caem as folhas na fria estrada,

como filhos largados pelos pais,

desamparadas, feridas de amor.

E nesse instante momento,

a recordação da primavera passada,

o bailar com o vento,

o aceno às pessoas que passavam...

Como foi curta a vida,

atroz e insensível

a transformação sofrida...

 

Percorrendo a estrada,

fria, de folhas enlameada,

lá vai o cantoneiro,

carrinho e vassoura na mão,

também ele insensível à ocasião...

E as folhas já moribundas,

pressentido o destino cruel,

se abraçam num acto final,

antes do fogo, antes da morte...

Triste fado...triste sorte...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 23:02


2 comentários

De sonhardenovo a 16.10.2010 às 22:48

Ai, o Outono... O Outono é um bocadinho tristonho... mas as paisagens são lindíssimas... as folhas caiem... mas eu adoro passar por um monte de folhas caídas no chão...

O poema é lindo... e nostálgico ao mesmo tempo... É o Outono!!

Beijinhos =)

De Alexandrino Sousa a 18.10.2010 às 22:35

Amiga Sandra,

Ainda assim, gosto mais da Primavera, do renascer, da cor, da força da vida... O Outono, para mim comparo à dor, à tristeza, ao luto...É como dizes, é um tempo nostálgico.

Beijinhos
Alex

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.