Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Dás-me lume?

Quinta-feira, 21.10.10

 

 

 

Faz-se tarde na tarde fria,

solta-se o vento,

os espíritos da noite,

e caminhando no tempo,

procuro onde pernoite...

 

Abres-me a porta de teu ser,

onde me abrigo,

onde sacio meu querer,

e cansados da madrugada,

acendemos mais um cigarro.

 

E mais um, na noite fria,

que partilhas comigo,

sem exigência, sem queixume,

e num olhar de amigo,

num olhar atrevido, dizes, "dás-me lume??"

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 23:17


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.