Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



TU ÉS UM SONHO

Sábado, 27.09.08

  

              (da Net)

 

Os sonhos são como o vento,

ora vão, ora voltam no tempo

são desejos, são tentações,

São vida, são emoções...

 

O sonho me leva, me transporta

para algum lugar, não importa,

Se o momento me faz feliz,

ainda que a realidade o desdiz.

 

Tu és um sonho, desejo reprimido, 

És um fruto proibido,

És o hoje e o amanhã,

o que antes de nascer, morrerá...

 

E, ao abrir os olhos, o sonho se esvai,

o que era lindo, num ápice cai...

Cerro meus olhos, firmemente,

mas tudo se foi...para sempre.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 21:27