Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



MOMENTOS

Terça-feira, 30.09.08

 

      

                (da Net)

 

Tecla a tecla vai saindo a letra,

a palavra, a frase, ideia concreta

que quero transmitir,

o estado de espírito no prosseguir.

 

E no ecrã surgem emoções,

pensamentos, algumas razões,

só minhas, do meu interior,

que tu conheces em forma de dor.

 

Não, isto não se pode saber,

são segredos meus, do meu crer,

e num ápice tudo apago, tudo fica claro,

e tecla a tecla, nova frase em preparo.

 

Assim fosse minha vida

quando em desalinho, sofrida,

no gesto de uma esponja, em vaivém

tudo limparia, ou corrigiria também...

 

Assim fosse meu pensamento

quando em alvoroço, tenso,

um click, um gesto interior,

e numa página nova, teu sorriso maior...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 22:48