Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Da Minha Varanda

Terça-feira, 31.08.10

  

http://www.superfutil.blogger.com.br/B_Maceio%2520058.jpg

  

A minha varanda é o meu  mundo,

é um olhar para a gente que passa,

os bandos de pássaros em remoinho,

o nascer e o pôr do sol...

 

Da minha varanda me lanço no espaço

e me deixo levar pelo coração,

e tal e qual a andorinha que esvoaça,

pressentindo o fim do verão,

liberto meus sentimentos,

dou-lhes asas, buscando emoção...

 

 

A minha varanda é o meu  mundo,

onde eu existo, sonho,

onde tudo ainda faz sentido...

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 22:24

Rosa Branca

Segunda-feira, 30.08.10

 

http://farm3.static.flickr.com/2078/2261615394_1463ca181c_o.jpg

 

Contigo, partilho a dor do corte,

do aço fino e penetrante

que esventra teu corpo,

dilacera teus espinhos...

Lágrimas brotam de teu ser

tombando no chão frio e inerte...

 

Minha rosa branca e perfumada,

que sonhavas ser rainha no jardim,

te prenderam, subjugaram num ramo,

te levaram, afastaram de mim...

Minha rosa branca e perfumada,

Serás sempre flor amada...

 

E quando por fim chegar a hora,

e tuas pétalas perderem cor,

chama por mim no teu grito de dor,

meu coração sentirá teu chamamento...

E tu minha rosa branca e perfumada.

serás minha rainha, serás amada...

 

(a todas as rosas de meu jardim)

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 21:57

Dia de Domingo

Domingo, 29.08.10

  

 

http://timblindim.files.wordpress.com/2008/09/igreja_01x.jpgi

 

  

Dia de Domingo

 

Há magia no ar, sente-se nesta manhã de Domingo...

O sol que brilha na calmaria da natureza,

os pássaros que ainda repousam por entre a folhagem,

as gentes que vivem por entre as janelas ainda fechadas...

 

Que saudades de outros Domingos...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por inoutyou às 09:44

Destino Final

Sábado, 28.08.10

https://1.bp.blogspot.com/P1020370.JPG

 

Soltam-se os sinos na igreja,

sons únicos que ecoam no tempo,

quatro tábuas repousam no chão,

almas "vivas" aguardando o momento...

 

"Companhia" que ninguém vê,

perfume que ninguém sente,

seu caminhar sente-se na aragem

que nos atravessa, nos trespassa...

 

Ouve-se a oração, a ladainha,

um adeus até outro mundo,

e as almas se recolhem, repousam

num sono eterno, profundo...

 

De pó, é seu corpo efémero,

em pó, cinza, restos, lixo,

o tempo tratará do impuro,

será o que ninguém quer...

 

Fecha-se um tempo, um ciclo,

cerram-se os olhos na recordação,

tudo vai passar, atenuar,

novas vidas se seguirão...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 15:05

Beleza em forma de Mulher

Sexta-feira, 27.08.10

 

http://www.hephesto.com/agrega/wp-content/uploads/2008/12/mulher-bonita.jpg

 

Tanta beleza nesse rosto, nesse olhar....

 

ah se eu te conseguisse tocar,

se eu te conseguisse pelo meu olhar

chegar até ao fundo de ti,

a cada ponto mais sensível de teu ser...

ah se eu te tivesse aqui,

onde as horas morrem no sabor do tempo

e o meu tempo não tem horas,

onde serias a minha noite e o meu dia

o meu principio e o fim...

ah se fizesses parte de mim...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 20:53

Meu Reino

Quinta-feira, 26.08.10

 

http://nasa.tur.ar/wp-content/uploads/2010/02/night_magic_kingdom.jpg

 

Pedes-me que te conte um conto,

talvez uma história de encantar,

que te fale de príncipes e princesas,

de um reino em cima do mar,

de carruagens que voam,

barcos que sabem dançar...

Não, não, disso não sei falar...

Talvez te conte a minha história,

das princesas que conheci,

reinos que eram minha glória...

Talvez te fale das estrelas

com quem na noite vivi,

por quem me apaixonei,

para quem tantas vezes sorri...

E da lua,... Princesa no meu reino,

eterna enamorada do seu rei sol...

O meu reino?... É o meu mundo...

crianças brincando na rua,

bolas de sabão de mil e uma cor,

flores belas, perfumadas,

casais enamorados,

vida, criando vida,

gestos únicos, plantando amor...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 21:32

Na Minha Mão

Quarta-feira, 25.08.10

 

 

 

www.fotorkut.com.br/imagens/coracoes/orkut-hi5-coracao_(83).jpg&t=1

 

Abre minha mão, e vês meu coração,

e nessa mão, estampado está teu rosto...

Olhos que abriam com o beijo da manhã,

lábios que sorriam com o nascer do sol...

Abre meu coração, sente seu pulsar,

vitrais das mil alegrias sentidas,

vitrais das agruras escondidas...

Tudo ali guardo, memórias que se lêm,

mas só quem as souber ler,

só quem as souber entender...

Cada traço, cada vinco é um momento vivido,

é um tempo que não quero perder...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 21:30

Invento-te...

Terça-feira, 24.08.10

 

 

http://www.lyons.co.uk/Titian/large1/Venus-Urbino.jpg

 

Hoje, invento teu corpo nu

em cujas formas me deito,

ondas de meu deleito,

corpo de meu prazer...

Se te falo, nada dizes,

se te belisco, nada sentes,

talvez sejas corpo inerte,

ou sonho de muito querer...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 21:55

Mulher Estátua

Segunda-feira, 23.08.10

 

 

Suavemente chega e nada diz.

Calmamente monta seu palanque,

se veste de rainha,

se maquilha...

Suave é sua face de branco mármore...

 

Na mão, uma sombrinha,

no cabelo, um chapéu de menina,

fitas de cetim sobre os ombros...

Seu vestido branco a faz gigante,

e suave é sua face de branco mármore

 

Sobe o palanque.

Seu vestido o cobre e nos ludibria...

À sua frente, um cestinho coberto a cetim,

e suavemente, calmamente espera,

aguarda, a moeda do povo, o flash que vai registar...

 

Estátua é o seu nome.

Estátua que se inclina, agradece

cada tlim-tlim no seu cesto.

E eu a admiro, me perco,

porque suave é sua face de branco mármore...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 22:00

Dia de Domingo

Domingo, 22.08.10

 

 http://mariusangol.no.sapo.pt/LagoaSAndre.jpg

 

Cinzento acorda o dia,

sem graça, sem brilho, sem cor...

Fito meu jardim, cada flor,

e em cada uma, reina a tristeza,

como já sentindo a dor

do verão que se finda...

Verão de mil promessas,

umas cumpridas, outras não,

sonhos vividos, outros revisitados,

(alguns mal amados)...

 

Sossego meu coração...

Respiro fundo, e me conforto

de que a vida terá mais verão...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por inoutyou às 09:30


Pág. 1/2