Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sentidos Proibidos

Quarta-feira, 06.10.10

 

https://1.bp.blogspot.com/ipes.jpg

 

É de silêncio o ar que respiro,

de vida, o coração que bate

por mais um dia, ou um suspiro,

que importa, se viver é arte...

 

E arte, é o que meus olhos em ti vêm

quando teu corpo ritmado passa,

meus sentimentos coram e lêem

virtudes, ou pecados com graça...

 

E perfumado é o teu caminho

deixando rastro de felicidade,

amor, paixão, algum desalinho.

 

Inebriados ficam meus sentidos,

creio mesmo não enxergar verdade,

onde os sentidos são proibidos...

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 22:53