Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Minha Flor

Sábado, 28.01.12

 

 

Amo-te minha flor

como se ama a vida

ou o sol no seu esplendor...

 

Amo-te pelo teu cheiro

pela tua infinita cor,

beleza desmedida.

 

E em momento algum

ninguém ousará te tocar,

porque tu minha flor,

cresces bela, altiva,

num jardim feito à tua medida,

num jardim feito altar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 18:08