Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



da minha janela...

Sábado, 31.10.15

 

da minha janela, vejo tua varanda,

as flores que afagas com tuas mãos,

os vasos que tratas com carinho...

 

da minha janela, vejo-te baloiçando

na espreguiçadeira, tão leve, tão serena, 

e sinto que teu olhar fixa o horizonte,

e em teu rosto, reina a paz de um dia de primavera.

 

da minha janela, vejo um postal ilustrado,

uma foto tua (tinhas o cabelo apanhado),

e os lírios vagueando pelo monte...

  

a varanda? essa não existe...

foi apenas uma imagem de um final de tarde...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 21:09