Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Silêncio de Ouro...

Quarta-feira, 13.07.11

 

 

E se de repente se fizesse luz,

não de uma lâmpada qualquer

ou de uma fogueira mais além,

mas se se abrisse um raio de sol

como por magia na escuridão,

e no meio daquele clarão,

um Anjo, Alguém celestial,

uma mensagem, um sinal

músicas vindas do além

orquestra tocando, sem ninguém!

 

Nada se passa no meio de tanta Graça...

 

Lá fora, pétalas de flores dançando

na breve brisa da noite...

Será miragem, ou o cansaço da viagem?

Sinto meus olhos pesarem

mas é tanta a paz interior...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 23:24


Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.