Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



o nosso fado...

Sexta-feira, 06.01.12

 

 

Fado,

como eu gostaria de te cantar

num poema, ou prosa,

numa melodia, num cantarolar

embalado pelo sopro do coração...

 

E não sei fado,

qual seria o resultado,

se ao ler o que escrevi,

talvez chorasse lágrimas de dor,

talvez chorasse lágrimas de amor...

 

Fado sou eu e tu,

uma história ainda por contar,

uma letra por inventar,

numa melodia, onde o som das cordas

ressoasse pelo nosso silêncio...

 

Fado, é o destino

com que nos marcaram à nascença

qual varinha de condão...

E perdidos nos sentimentos

vagueamos no universo dos tormentos...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 22:04


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.