Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Domingo de manhã...

Domingo, 22.04.12

 

Abri janelas de par em par,

levei meu olhos ao horizonte,

perscrutei o vazio do silêncio...

Nem sinais de movimento no ar

ou de algazarra nos beirais...

Andorinhas, por onde andais?

Primavera, por onde adormeceste?

 

E no silêncio do Domingo cinzento,

ainda com a voz trazida pelo vento,

relembro os textos que escreveste...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 11:21


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.