Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Perfeito Coração

Domingo, 29.04.12

 

 

como foi possível, que deuses permitiram

que meus dedos, que meus finos dedos

invadissem teu corpo, teu corpo perfeito,

e chegassem ao teu perfeito coração?

 

coração de ouro, bordado de amor,

tesouro escondido, talvez guardado

para um amor renascido, aguardado,

num perfeito dia, num dia Maior...

 

e aqui o tenho, entre os dedos da vida,

ansioso pela esperança do amanhã,

como se o ontem fosse causa perdida,

como se o hoje se perdesse na manhã...

 

como foi possível, que deuses permitiram

que meus dedos, que meus finos dedos

tocassem teu corpo, teu perfeito coração?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 23:49


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.