Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



HÁ DIAS ASSIM...(1)

Segunda-feira, 08.09.08

 

Sinto-me cansado...

No final da semana passada, já previa que esta semana (principalmente o início), seria de loucos.

Amanhã começam as auditorias e com todo este trabalho de preparação, depois no final todo o trabalho de discussões e relatórios finais.Enfim, nada que já não esteja habituado..

Sexta feira, mais uma, só que externa logo com outro peso e responsabilidade.

Com tudo isto chego a sonhar com as tarefas para o dia seguinte, por isso como não havia de andar cansado??

Tempo para mim? Sempre arranjo um pouco para a Internet, para responder a e-mails, ler blogs de amigos ou candidatos, ouvir a SIC noticias, e claro passar os olhos por artigos de opinião (que pena não ter ouvido todo o discurso de Manuela Ferreira Leite), mas vou tentar encontrar na Net.

Enfim, vamos viver um dia de cada vez. O amanhã poderá ser melhor...

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por Alexandrino Sousa às 22:54


12 comentários

De daplanicie a 09.09.2008 às 15:51

É o cansaço que surge após as férias. Depois tudo começa a encaixar-se e...a rotina instala-se novamente (uma seca!)
Cumprimentos

De Alexandrino Sousa a 09.09.2008 às 21:29

É como diz, uma seca...Mas este ano começou com uma pedalada....Mas aos poucos e poucos começamos a habituarmo-nos.

Cumprimentos
Alex

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:18

Marketing Feminino:

1) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Chegas perto dele e dizes-lhe:
- Sou um fenómeno na cama.

Isto é Marketing Directo.

2) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Um dos teus amigos chega perto dele e diz-lhe:
- Aquela mulher é um fenómeno na cama.

Isto é Publicidade.

3) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Pedes-lhe o número de telemóvel. No dia seguinte ligas-lhe e dizes:
- Sou um fenómeno na cama.

Isto é Telemarketing.

4) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Tu reconheces este homem. Chegas mais perto dele, refrescas a sua memória e dizes-lhe:
- Lembras-te como sou fantástica na cama?

Isto é Customer Relationship Management.

5) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Levantas-te, arranjas o vestido, aproximas-te dele e ofereces um copo. Dizes-lhe como é bom o seu perfume, das-lhe os parabéns pela sua boa aparência.
Ofereces-lhe um cigarro e dizes-lhe:
- Sou um fenómeno na cama.

Isto é Public Relations.

6) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Ele chega perto de ti e diz-te:
- Ouvi por aí que és um fenómeno na cama.

Isto é Branding, o Poder da Marca.

7) Estás numa festa e vês um homem muito fascinante.
Chegas perto dele e dizes-lhe:
- Sou um fenómeno na cama, mostrando-lhe um peito.

Isto é Merchandising.

Marketing Masculino:

1) Estás numa festa e vês uma gaja toda boa.
Chegas perto dela e dizes-lhe:
Sou um fenómeno na cama e resisto toda a noite sem parar.

Isto é Publicidade Enganosa e........... é punida por lei

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:20

Numa entrevista de emprego num Departamento de Qualidade , o chefe pergunta:

- O senhor já sofreu algum acidente grave?

- Sim. Quando servia o exército, participei numa batalha simulada e um tiro atingiu os meus tes..tículos. Tive que extraí-los!

- Santo Deus! - Exclamou o entrevistador, sem conseguir disfarçar a piedade.

- Bem, o emprego é seu! Nós chegamos sempre às 8, mas o senhor pode chegar às 10. Tudo bem...

- Mas por que eu vou ter esse privilégio?

- É que, o senhor sabe como é... Departamento de Qualidade ... O pessoal fica sempre a coçar os tomates duas horas antes de começar a trabalhar!

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:25

Um jovem se encontra no alto de um prédio de 30 andares em Gião , tentando o suicídio.
Os bombeiros são logo acionados e um policial tenta persuadir o rapaz a não cometer tal ato:
- Meu rapaz... pensa na sua mãe...
- Não tenho mãe nem pai, responde o suicida.
- Então pensa na sua namorada e amigos, insiste o bombeiro.
- Não tenho amigos, e nenhuma mulher me quer.
- Então meu rapaz, pensa no Sporting e não te mata...
- Sou Benfiquista, responde o rapaz.
- Então te mata de um vez e para de atrapalhar o trânsito, responde por fim o bombeiro.

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:33

Curso de Línguas...
Como não quero que lhe falte nada, aqui tem um curso hiper-acelerado de línguas para aprender algumas palavras estrangeiras.

RUSSO
Conjunto de árvores: Boshke.
Defunto: Sefoy Prakova.
Insecto: Moshka.
Político: Caganopovo.
Sogra: Sostrova.

ALEMÃO
Abrir a porta: Destranken.
Bombardeio: Bombascaen.
Chuva: Gotascaen.
Não me interessa: Queselich.
Sogra: Raistaparta.

ÁRABE
Elevador: Alicima Vai.
Metralhadora: Allavai Abalabalabalabalabala.
Necessito um banho: Molhamed.
Sogra: Alvíborah.

CHINÊS
Cabelo sujo: Chin‑Champu.
Descalço: Chin Chinela.
Estudante: Xu‑Lo‑Pai.
Ladrão: Fin‑To‑Xui, Ai-o-Bófia.
Náufrago: Chin‑Chu‑Lancha.
Nudista: Chin‑Calsan.
Pobre: Chen Luz, Chen Agua e Chen Gaz.
Político: Chin‑Pan‑Ze.
Sogra: Bru‑Xa‑Feia.
Top‑less: Chin‑Chut‑Yiã.
Veneno: Bai Gon.

INGLÊS
Banheira giratória: Tina Turner.
Copie bem: Copyright.
Indivíduo de bom autocontrolo: Auto-Stop.
Talco para caminhar: Walkie-Talkie.

JAPONÊS
Acabou a gasolina: Yaminhamoto Nonanda.
Adivinhador: Komosabe.
Ainda tenho sede: Kiro Maisagwa.
Bar: Boti Kin.
Bêbado: Yochi Tomo Whiski.
Bilhar: Takada Nabola.
Café amargo: Takaro Azukar.
Carro: Kenon Hémoto.
Compre: Adkira.
Diarreia: Kagasoagua.
Em topless: Sakare Ateta.
Fraco: Yono Komo.
Roubaram-me a moto: Yononvejo M'yamaha.
Meia-volta: Kasigiro.
Político: Roba Kasitudo.
Se foi: Non‑ta.
Sogra: Aturatu.
Terror: Aikimedu.
Vice‑campeão: Kuasi‑ganho.
W.C.: Akisicaga.

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:40

O mecânico chega a sangrar às Urgências do hospital:
— Por favor! Eu preciso de uma injecção antibritânica!
— O senhor não quer dizer antitetânica? — Pergunta a enfermeira.
— Não, é mesmo antibritânica! É que me magoei com a chave-inglesa!

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:48

Reunião semanal da equipa da Qualidade.

Na ordem do dia, uma acusação da analista Joana contra o analista Manel. Este ter-se-ia dirigido a ela com termos impróprios. O director diz: «Este tipo de atitude é inadmissível neste departamento O senhor tem algo a dizer em sua defesa?»
O Manel responde que está envergonhado pelo ocorrido, mas que há circunstâncias atenuantes.
«Deixe me explicar como aconteceu. De manhã, o meu despertador não funcionou. Quando eu vi as horas, saltei da cama, prendi o pé no cobertor, caí de cabeça no chão e parti o abat-jour.
Depois, enquanto fazia a barba, tocou a campainha e eu cortei-me. Era um vendedor de enciclopédias e, para me livrar dele, acabei por comprar uma de 12 volumes.
Quando fui tomar o pequeno-almoço, o meu café estava frio e as torradas queimadas.
Fui para a garagem e escorreguei numa poça de óleo da moto do meu filho. Ao dar à ignição do meu carro, reparei que a bateria estava descarregada. Tive que chamar um electricista que me fez perder uma hora e 100 euros. Eu devia era ter apanhado um táxi porque, ao chegar ao estacionamento da Empresa, acabei por bater num outro carro...»
Enquanto os colegas olham estupefactos, o Manel pára um instante para recuperar o fôlego e continua:
«Quando finalmente me sentei na minha cadeira, a Joana entra e pergunta-me: “Manel, acabaram de chegar 72 termómetros. Onde devo enfiá-los?”»

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:50

Anedotas olímpicas - Resistência...
Ao ser pedida em casamento, dizia ela:

— Mas nós não sabemos nada um do outro!
Ele respondeu:
— Não há problema, iremos conhecer-nos ao longo da vida.
Ela concordou, casaram-se e foram em lua-de-mel para uma luxuosa estância nas Caraíbas.
Uma manhã, estavam ambos deitados junto à piscina, ele levantou-se, subiu ao trampolim de dez metros e realizou uma perfeita demonstração de todos os estilos de saltos que existem. Voltou e deitou-se ao lado da mulher. Esta disse-lhe logo:
— Foste incrível!
— Fui campeão olímpico de saltos. Eu disse-te que nos iríamos conhecer ao longo da vida, — respondeu ele.
De seguida ela levanta-se, entra na piscina e começa a nadar de ida e volta da piscina. Depois de 30 voltas, saiu e deitou-se junto do marido.
Ele disse-lhe:
— Lindo! Foste nadadora olímpica de resistência?
— Não, era prostituta ao domicílio em Veneza!

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:53

Anedotas olímpicas - Resistência...
Ao ser pedida em casamento, dizia ela:

— Mas nós não sabemos nada um do outro!
Ele respondeu:
— Não há problema, iremos conhecer-nos ao longo da vida.
Ela concordou, casaram-se e foram em lua-de-mel para uma luxuosa estância nas Caraíbas.
Uma manhã, estavam ambos deitados junto à piscina, ele levantou-se, subiu ao trampolim de dez metros e realizou uma perfeita demonstração de todos os estilos de saltos que existem. Voltou e deitou-se ao lado da mulher. Esta disse-lhe logo:
— Foste incrível!
— Fui campeão olímpico de saltos. Eu disse-te que nos iríamos conhecer ao longo da vida, — respondeu ele.
De seguida ela levanta-se, entra na piscina e começa a nadar de ida e volta da piscina. Depois de 30 voltas, saiu e deitou-se junto do marido.
Ele disse-lhe:
— Lindo! Foste nadadora olímpica de resistência?
— Não, era prostituta ao domicílio em Veneza!

De Anónimo a 10.09.2008 às 13:56

Taxista promotor da fé...
Um famoso e respeitado padre da província morre e chega ao Céu. Na recepção, um anjo pede-lhe para aguardar, o que o prelado acha estranho, pois esperava ser recebido com muitas honrarias.
Enquanto esperava lendo uma revista, um sujeito simples chega e é atendido imediatamente, com grande pompa e circunstância. Duas horas mais tarde, finalmente, o padre é recebido por São Pedro.
— Como é possível? — Indigna-se o padre. — Tive que esperar duas horas e, entretanto, um desconhecido que chegou depois de mim foi logo atendido!
— Aquele homem que chegou — explica São Pedro — era um motorista de táxi muito conhecido!
— Um taxista? — Exclama o sacerdote, indignado. — Eu fiz tanto pela divulgação da fé cristã e um simples taxista passa-me à frente?! Isto é o cúmulo!
— Receio que ele tenha feito muito mais que o senhor, padre... — responde São Pedro. — Durante as suas missas toda a gente dormia. Contudo, enquanto ele conduzia, toda a gente rezava!

De Alexandrino Sousa a 10.09.2008 às 19:31

Meu Caro anónimo,
Isso é que foi escrever. Aposto que estou a ver sua pessoa, mas não quero errar. E se for quem eu penso, estava eu a trabalhar numa auditoria importante, e o meu amigo a dar-lhe (sim, aquilo que escreveu, teve de fazer muita pesquisa...)
Um grande abraço
Alex

Comentar post