Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



ESTRADA FORA

Terça-feira, 24.02.09

 

http://pilgrimhearts.blogs.sapo.pt/arquivo/no%20escuro%20da%20estrada.jpg

 (texto de ficção)

 

Parto estrada fora

sem nada do passado...

Tudo  o que tinha (e o que não tinha),

nos resquícios da memória ficou fechado.

 

Histórias que vivi,

outras que inventei,

amores eternos que jurei,

para trás tudo deixei.

 

Parto estrada fora

sem remorsos, sem paixões,

na vida foram tantas as ocasiões

que ganhei, ou perdi na hora...

 

De tudo me livrei, me despi,

e assim sigo meu caminho.

Talvez tarde descobri

que o muito que vivi,

não foi bom, não foi mau,

apenas uma peregrinação,

na vida alguma emoção...

Mas para trás olhando,

fica a certeza da decisão...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 09:14