Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Amanhã é Terça Feira...

Segunda-feira, 13.04.09

 

 

Poderia dizer que neste momento posso considerar-me um felizardo, já que na empresa onde trabalho não se fala em "crise", e já há algumas semanas que algum pessoal tem de fazer horas extras. E ainda bem que é assim.

Mas amanhã é o primeiro dia de trabalho após estas míni férias da Páscoa, e assim terminam os meus momentos de paz, de sossego , de "lar, doce lar".

Não sei porquê, mas aquele desejo de entrar cedo, e sair quase noite, já há muito que passou, e hoje quase que se cumpre o horário normal de trabalho, por vezes, nem mais um minuto.

Mas terei eu razões de  queixa da empresa? Algum dia a administração foi incorrecta para comigo?, algum dia trabalhei e não recebi?? Nada disto se passou, apenas se nota que o "clima" vai-se alterando conforme vão mudando as direcções de vários departamentos.

Até há bem poucos anos, ainda era uma das grandes empresas de cariz familiar (fosse na administração, fosse em algumas direcções), em que as chefias quase só mudavam na idade da reforma. Hoje em dia, as mudanças são rotineiras, e com essas mudanças vêm novos estudos, novos métodos de fazer muito de preferência com muito pouco. Mas como diz o povo "não se fazem omeletas sem ovos", daí....Mas ao que parece os resultados têm sido favoráveis, e as políticas implementadas se calhar estão correctas...Mas por quanto tempo?? As pessoas ainda vão dando o máximo (admiro-me como é possível, quando as idades em média já são superiores aos 55), mas virá o dia em que não podem continuar naquele ritmo, e aí das duas uma, ou se aldraba o trabalho ou por e simplesmente terá de ser feita a renovação dos recursos humanos. Quanto a mim, este deverá ser o caminho a seguir, mas os quadros que não vejam as pessoas como simples peças, como simples números, porque quando esse dia chegar, a empresa por certo irá inverter o seu caminho de contínua ascensão. E uma verdade que ninguém pode negar...as pessoas que hoje entram (contratos a prazo), nem de longe nem de perto se preocupam com a apresentação do produto, com o cumprimento de prazos, com o bom nome da empresa...Afinal sabem que amanhã já irá acabar o contrato....

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 19:34


4 comentários

De Alexandrino Sousa a 14.04.2009 às 21:14


Olá Cristina,

É como dizes: "temos consciência que aquilo que temos até é bom" - só que não sabemos acarinhar...

Beijinhos Amiga
Alex

Comentar post