Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



nos braços da manhã...

Segunda-feira, 30.06.14

 

 

deito-me com os sonhos,

acordo nos braços da manhã...

 

os raios do sol afagam meu rosto

e sinto seu hálito num terno beijo...

faz tempo, tanto tempo

que não sinto o calor de um beijo,

a maciez, a frescura de um lábio

percorrendo, tacteando

um corpo sedento...

 

faz tempo... tanto tempo...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 19:52


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.