Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Teus encantos...

Quarta-feira, 16.01.13

 

 

secam meus lábios

sedentos de lábios teus...

entristecem meus olhos

pela ausência dos olhos teus...

que foi que eu fiz?

que castigo me foi imposto,

se tudo o que mais gosto

em ti existe...os encantos teus...

 

perco-me no vazio da noite,

nas sombras que vagueiam pela parede

na longa solidão,

espíritos rondando em alucinação,

enquanto aquieto minha sede

aguardando gestos teus,

vindo de encontro, ansiando gestos meus...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 22:36

Doce Momento...

Quarta-feira, 06.01.10

 

 

http://agrari.altervista.org/schede/Socrates78/Immagini/rosarossa.jpg

 

De Deusa o teu sorriso,

Angelical teu rosto,

corpo que eu invento,

como se inventa a fantasia

no amanhecer de cada dia...

 

E no ondular de teus cabelos,

no doce e suave pentear,

a cheiro a rosas e a mar,

como se nascesses em jardim,

como se vivesses a voar...

 

Alma leve, gentil e pura,

como puro é teu pensamento,

voando bem longe com o vento,

saltando para o dia da noite escura,

em ti, suavizo meu momento...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 21:26

EM BUSCA DE TI....

Segunda-feira, 05.10.09

 

 untitled.jpg image by artoflove

http://media.photobucket.com/image/princesa%20encantada/artoflove/atordoadas/untitled.jpg

 

(ficção)

 

Asas voam no vento...

são aves, são liberdade,

tal é a minha vontade,

de em cada momento,

dar asas ao pensamento...

 

Voa, voa no tempo,

para os braços de alguém

que um dia me fez refém,

que prendeu meu coração,

numa torre de betão...

 

Coração frio, agreste,

esperando o beijo ardente

da princesa ausente...

Beijo, sopro de vida,

retorno da juventude perdida...

 

Asas voam no vento...

Voam, voam no tempo...

Assim vai meu pensamento

até ti, amor, sentimento...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 16:04

ÉS ENCANTO...

Domingo, 28.12.08

 

                                           (da Net)

Passas por mim

e mais uma vez sorris...

És encanto

qual flor do campo,

podes ser lírio ou jasmim,

e teu cheiro

em rasto ligeiro,

parece ser de alecrim...

 

Passas por mim

e eu me alegro

por te ver assim...

Ainda que nada digas,

teus olhos se comprometem,

meus sonhos fazem figas,

outros dias prometem,

encontros que não esquecem...

 

E se amanhã passares por mim,

sorri, mas diz-me que sim,

diz-me de coração aberto,

o sentido de teu sorriso,

desliga-me deste aperto,

desta angustia...eu preciso...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por inoutyou às 21:25