Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



tão perto... tão longe...

Sábado, 22.02.14

 

 

 

tão perto e tão longe,

quase ao toque de um dedo,

de um simples olhar...

sabes, podia-te contar um segredo,

não fosse alguém reparar

no soletrar de meus lábios,

ou no meu olhar que não sei controlar.

 

tão perto e tão longe,

como se as distâncias, o céu e as estrelas

não fizessem parte de nós,

dos sonhos perdidos, inventados, aguarelas

por terminar, músicas que a viva voz

começamos e não acabamos...

sabes, tão perto... tão longe.. tão sós...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 16:36