Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



tardes de outono...

Quarta-feira, 11.09.19

meu amor, meu amor,

tão leve e suave o chamamento,

como o sol que nos beija nesta tarde de outono...

ter-te aqui, ler-te aqui,

é como respirar o ar puro da planície,

que envolve a alma,

sem ruídos, sem movimento,

apenas nós,

nesta tarde tão seca,... tão calma...

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alexandrino Sousa às 12:02


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.